Saúde na Terceira Idade: Cuidados e Prevenções

Manter a saúde em dia é essencial para se viver bem, ainda mais quando se chega na terceira idade, onde doenças como diabetes e hipertensão começam a se tornar mais frequentes. Por isso, os idosos devem se prevenir para manter-se longe de eventuais infortúnios. Para isso, o primeiro passo é se consultar com um médico geriatra, que é um profissional especializado na saúde do idoso, sendo o melhor para atender, diagnosticar e prevenir futuras doenças, além de proporcionar uma melhor condição de vida.

Outras Especialidades

Além disso, o geriatra pode acabar precisando de auxílio para poder tratar doenças mais específicas e encaminhar o idoso para outras especialidades para ajudar no diagnóstico do paciente, como:

Nutricionista

O nutricionista tem como intuito orientar e auxiliar o paciente a ter uma alimentação balanceada e saudável, aconselhando-o a ter hábitos alimentares adequados e manter-se ativo durante a terceira idade. Caso o Indivíduo não venha a ter uma melhor a alimentação, ele estará mais propício a ter alguns tipos de doenças, como diabetes e pressão alta, além de estar mais suscetível a ter ataques cardíacos, que precisam ser prevenidos com o auxílio de um cardiologista.

Endocrinologista

O médico endocrinologista é o especialista em tratar problemas hormonais e auxiliar pacientes obesos, pois a produção desregulada de hormônios propicia o ganho de peso. Além disso, este profissional também é responsável por tratar a diabetes, uma das doenças mais recorrentes na terceira idade.

Urologista

Quando se chega na terceira idade, problemas urológicos passam a se tornar mais recorrentes nos idosos. Por isso, é importante que pacientes desta faixa etária realizem consultas anuais ou semestrais com um urologista, pois este profissional será capaz de não apenas diagnosticar potenciais problemas no sistema urinário, como também, tratar doenças que estão no início, o que torna o tratamento mais fácil. Os problemas urológicos mais comuns em idosos são:

  • Cálculos renais (famosas pedras nos rins);
  • Incontinência urinária;
  • Cistite (infecção urinária feminina);
  • Problemas na próstata (principalmente câncer, um dos mais comuns no mundo todo);
  • Bexiga baixa.

Oftalmologista

A visão é um dos sentidos mais importantes para o ser humano, mas, conforme vamos envelhecendo, a visão começa a se desgastar em decorrência do tempo. Por isso, é necessário consultar um oftalmologista anualmente para verificar se há algum tipo de doença visual ou necessidade do uso de óculos. A maioria das doenças visuais, como a catarata e glaucoma, acometem a terceira idade pelo fato da saúde do idoso ser mais frágil. Entretanto, se as doenças forem diagnosticadas precocemente, a possibilidade de recuperação se torna mais alta.

Ginecologista

Há sempre dúvida sobre a necessidade de ir ao ginecologista após o início da menopausa. Quando a dúvida surgir, saiba que sim, a ida recorrente a este médico se faz necessária já que vários tipos de doenças ginecológicas começam aparecer depois da terceira idade, como o câncer de vulva e câncer no ovário, onde, se descobertos precocemente, o médico ginecologista poderá indicar o melhor tratamento para a doença.

Otorrinolaringologista

A perda de audição e comum conforme vamos envelhecendo, acabamos não ouvindo mais como antes por causa do desgaste natural das células auditivas, mas a surdez pode ser tratada durante a terceira idade se procurado o médico otorrinolaringologista, para que ele possa indicar se há necessidade de utilizar um aparelho auditivo ou outro método. Além disso, a surdez pode acabar estimulando o isolamento e a depressão do idoso, uma vez que este passa a se sentir excluído e diferente dos demais.

Dermatologista

Conforme vamos envelhecendo as rugas começam a parecer e a pele começa a ficar mais ressecada na terceira idade, a medida que essas mudanças vão acontecendo, a pele fica mais propícia a doenças por estar mais frágil e acaba prejudicando a auto estima. Por isso, é importante consultar um dermatologista para que ele possa ajudar a escolher o melhor tratamento para o tipo de pele de cada paciente.

Neurologista

Fazer uma consulta anualmente com o neurologista durante a terceira idade também é muito importante para evitar algumas doenças, além de preveni-las, como o AVC, Alzheimer e Mal de Parkinson, pois o especialista irá identificar a doença e orientar o paciente para o melhor tratamento necessário.

Conclusão

Para que os idosos possam ter uma vida longa e saudável, é importante que este faça consultas regulares, principalmente com um médico geriatra, que é especialista na saúde do idoso, para prevenir, diagnosticar e tratar qualquer tipo de doença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *