Descubra como reformar um cômodo gastando pouco?

Reformar um cômodo pode ser necessário em diversas situações, mas realizar essa tarefa gastando pouco pode ser um grande desafio. Por esse processo demandar tempo e dinheiro, é essencial fazer um planejamento e otimizar as despesas.

Promover uma mudança em um ambiente e modificar seu visual traz a mesma sensação que mudar de casa, afinal, o resultado pode ser tão confortável e agradável quanto estar em um local novo. 

Uma reforma pode ajudar a renovar a disposição e dar mais ânimo aos moradores. Porém, esse processo é comumente oneroso e trabalhoso, uma vez que pode envolver várias etapas e materiais, como:

 

  • Aquisição de equipamentos;
  • Compra de materiais;
  • Contratação de profissionais;
  • Organização do local;
  • Limpeza do ambiente.

 

Cada uma dessas etapas interfere no tempo gasto e no custo final da reforma. É preciso avaliar cada uma dessas necessidades para obter bons resultados, desembolsando o mínimo possível. 

Com a escolha dos materiais corretos, você não irá precisar gastar com tarefas desnecessárias, como o polimento piso granilite, por exemplo.

Para saber como realizar a reforma de um cômodo gastando pouco, acompanhe a leitura deste artigo.

 

Economizando com a reforma

 

Pensar nas despesas de reformar um cômodo e como fazer para otimizar esse processo é fundamental para conseguir um resultado com bom custo-benefício. Modificar um ambiente é uma excelente decisão, mas precisa realmente valer a pena.

Fazer um planejamento é fundamental para estabelecer um plano de ação e reduzir gastos. Por isso, é preciso estar atento a alguns pontos relevantes.

 

1 – Espaço disponível

Conhecer exatamente qual é a área daquele ambiente e quanto espaço você possui disponível para fazer as modificações necessárias, é importante para saber o que pode ser realizado ali. Tanto os móveis quanto a decoração, dependem dessa informação.

 

2 – Escolha do material

A seleção dos materiais a serem usados faz muita diferença. É preciso pensar a longo prazo também, afinal, adquirir algo mais barato pode gerar uma despesa mais alta em pouco tempo.

Você deve considerar a facilidade e praticidade de limpeza, além da durabilidade. 

Nesse caso, o piso laminado para quarto infantil é uma boa dica se você deseja um elemento duradouro, uma vez que é resistente à impactos e possui propriedades térmicas.

 

3 – Área externa

O cômodo exposto em ambiente externo está sujeito a ações do clima como chuva, vento e sol. É natural que sofra desgaste, então, é preciso pensar em uma forma de adequar esse local para não receber impactos que o prejudiquem. 

Uma ideia é usar o revestimento externo textura. Esse material não deixa a sujeira tão aparente e mantém o local bonito por mais tempo.

 

4 – Faça você mesmo

Em vez de contratar um serviço especializado, é possível realizar as modificações por conta própria. Mas atenção: para fazer tudo sozinho, é necessário, pelo menos, buscar indicações com um profissional. 

Essa pesquisa pode ser feita até mesmo conversando com um vendedor no momento de adquirir o material. Organizar a reforma de um cômodo, qualquer que ele seja, e cuidar dos processos, ajuda a economizar com a equipe.

Também é  importante saber o que fazer para garantir um bom resultado. Você pode anotar tudo o que será necessário para esse processo: cada etapa e equipamentos. Esse passo ajuda a visualizar as prioridades e organizar os custos.

 

Resultados de uma boa reforma

 

Reformar um cômodo a partir de um planejamento bem elaborado traz ótimos resultados para os moradores da residência. Nem sempre a necessidade vem por causa da estrutura física da casa.

Modificar o local onde vivemos traz conforto, bem-estar e melhora a autoestima, além de proporcionar a sensação de estar vivendo em um local diferente e renovado.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *