De quanto a quanto tempo vale a pena trocar o motor do seu automóvel?

Muitos fatores causam a troca do motor de um automóvel, o ideal é que isso seja feito de forma preventiva para evitar danos graves na estrutura do veículo e, consequentemente, maior prejuízo financeiro.

 

De acordo com informações do Conselho Federal de Medicina, a cada 1 hora, 5 pessoas morrem em acidentes de trânsito no Brasil. Embora as causas sejam muito variadas, esses dados apontam para um cenário alarmante e que precisa ser observado com cautela.

 

Algumas medidas em relação aos cuidados com o carro podem ajudar a salvar vidas na hora de colocar o veículo para rodar, por exemplo:

 

  • Manter o equipamento em dia;
  • Checar as funções elétricas;
  • Fazer avaliação mecânica;
  • Usar acessórios originais de fábrica.

 

Entre os cuidados básicos está a recarga de extintores. Não é apenas em caso de acidente que esse equipamento pode ser necessário, inclusive, ocorrências pequenas podem sair de controle, caso o extintor não funcione.

 

Além disso, a revisão das peças do carro é fundamental, incluindo o motor. Importante salientar que entre os motivos para substituir essa peça estão: avaria, tempo de uso e desgaste, por exemplo. 

 

Em todos os casos, a troca é feita para manter o funcionamento adequado e evitar danos mais graves, tanto para as pessoas que usam o carro quanto para o próprio veículo.

Qual é a frequência de troca ideal?

A troca preventiva deve ser feita regularmente, assim como a avaliação mecânica deve ser realizada por um profissional também com bastante frequência. Sempre que essa pessoa sugerir que a substituição é o mais indicado, é hora de providenciar novas peças.

 

Além disso, muitas seguradoras inserem em seu contrato um período dentro do qual o carro deve ser avaliado para garantir que está adequado para uso. Esses critérios mantém o veículo de acordo com os requisitos do seguro.

 

Então, ao contratar uma cotação de seguro é preciso verificar como funciona o regulamento do contrato em questão, principalmente, para fazer a manutenção solicitada.

Como identificar problemas no motor do carro

Além da revisão e a troca de peças preventivas, pode ser que o motor do carro apresente problemas, então, é importante estar atento aos sinais que o veículo mostra ao seu dono. 

 

Dessa forma, é possível solucionar o quanto antes e evitar um acidente ou prejuízos maiores.

Luz acesa no painel

Se a luz de verificação estiver acesa no painel, é sinal de que há um problema com o motor. Afinal, esse é um sinalizador do próprio sistema para indicar que tem algo errado e não pode ser ignorado.

 

Isso pode acontecer devido ao motor fundido e as causas são diversas: falha na tampa de combustível, vela de ignição danificada, problemas no catalisador, problemas no sensor do fluxo de ar, ou falha no sensor de oxigênio.

Instabilidade no motor

Um motor instável se comporta de forma anormal, bem como trepida e engasga. Pode ser um problema com os dispositivos de controle

 

Então, é fundamental levar o automóvel até uma oficina para verificar qual é o problema e corrigir o quanto antes.

Emissão de barulhos e ruídos

Escutar barulhos diferentes vindo do motor não é normal! Isso significa que está acontecendo o desgaste de peças e componentes localizados embaixo do capô. 

 

Dessa forma, é preciso levar o veículo até uma oficina para resolver o problema antes que se agrave.

Marcas de óleo no chão

Ver marcas de óleo no chão nunca é um bom sinal. Significa que o motor está vazando, então, ao trafegar com o nível abaixo do indicado o atrito gerado entre as peças pode causar superaquecimento.

 

O  lubrificante spray pode ser usado para amenizar a situação, mas a solução correta é buscar uma oficina mecânica urgente para reparar o problema de forma adequada e definitiva.

Odor repentino e diferente

O cheiro no interior do veículo também não deve ser diferente. Sentir odor repentino, semelhante a borracha queimada, significa problemas graves no motor. 

 

Mesmo sem qualquer outro sinal aparente é preciso buscar ajuda profissional, dessa forma você evita problemas mais graves no futuro. 

Considerações finais

Alguns sinais indicam para o proprietário de um veículo que o motor desse carro possui um problema e precisa ser substituído. 

 

É fundamental estar atento a isso e realizar a troca mesmo que não exista um motivo claro, porque este é um cuidado com as pessoas também.

 

Dessa forma, aqueles que utilizam esse tipo de transporte permanecem seguros, além de evitar maiores danos e prevenir problemas financeiros no futuro.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *